17.3.08

Imagem autor desconhecido

7 comentários:

Pedro Pan disse...

, clarice me deixa sempre adimirado pelo texto dela. por ela...
, beijos meus.

Rosa de Saron disse...

Sabia CLARICE.

xEROS.

Observadoor disse...

De repente esqueço-me de mim, abro em todas as pessoas a procura de um espelho verdadeiro... Abraços

Jucosfer disse...

Pensando bem...
minha resposta é sim.

Gostei daqui.
Abraços traquina.

marcos pardim disse...

o você, no caso, é este que atende por eu... que cabra da peste mais estranho é esse? (rss....) 1 bj

Tatá disse...

A maioria das vezes me acontece isso, Sayô!
Lembrei-me de um excerto da própria Clarice que um pouco me resume: "Aceitar-me plenamente? É uma violentação de minha vida. Cada mudança, cada projeto novo causa espanto: meu coração está espantado. É por isso que toda minha palavra tem um coração onde circula sangue."

Beijos pra tu!

Ana Jácomo disse...

Estranho cada pessoa nova que me torno ao longo da caminho. Algumas, de vez em quando, surgem tão outras que tenho certa dificuldade para me sentir na pele das antigas. E o que estranho, sobretudo, é perceber que essa gente toda tem a mesma alma e cabe na mesma vida. :)
Beijo pra você, querida.

Artes com Trastes e Traquinagens

Minha foto
Sou um traste, que faço arte, através das minhas traquinagens.

Querem seguir minha luz?

Recent Visitors

Artes Passadas